19, abr, 2017

Gravidez e Melasma: Como se cuidar

A gravidez é um período maravilhoso, cheio de inúmeras mudanças e transformações. Mas, apesar de ser um momento incrível, a mulher pode passar por algumas mudanças físicas que geram algum desconforto. O cansaço aumenta, algumas enfrentam constantes enjoos, as mamas ficam pesadas e doloridas, a vontade de urinar é mais frequente e podem surgir alguns problemas como estrias, varizes e mudanças na pele em geral. Acompanhe esse artigo e saiba tudo sobre Gravidez e Melasma.

Gravidez e a influência na pele feminina

Normalmente, o segundo trimestre é o momento em que a pele é mais afetada pela gestação, revelando modificações causadas por uma explosão de hormônios. Podem surgir manchas temporárias, ou até manchas que permanecerão na pele caso não sejam tomadas as devidas providências de tratamento e prevenção. É nesse momento que muitas mulheres relatam que começaram a ter problemas com melasma.

Cuidados necessários  em relação a Gravidez e Melasma

Durante a gravidez ocorre o aumento dos hormônios femininos, estrógeno e progesterona. Esses hormônios acabam estimulando o funcionamento dos melanócitos, células responsáveis pela produção de melanina, fazendo com que a chance de desenvolvimento de manchas aumente. Além da exposição solar e às luzes artificiais, a permanência em locais quentes e uso de alguns medicamentos também podem contribuir para o aparecimento do melasma. Então, cuidado redobrado durante a gravidez! Fuja do sol, utilize protetor solar diariamente e lembre-se de renová-lo de três em três horas, mesmo que vá ficar em ambientes fechados. A partir do terceiro trimestre, até o fim na gestação, é interessante investir também na utilização de vitamina C tópica para aumentar a proteção da pele.

Se mesmo tomando todos os cuidados as manchinhas ainda aparecerem, não se desespere! De acordo com Dr. Bruno Vargas, responsável pelo Portal do Melasma, alguns tratamentos podem ser realizados durante a gravidez e no período de amamentação. Busque a orientação de um profissional e continue se protegendo.

Compartilhe:
Comentários: