30, dez, 2016

Opções de tratamento contra o melasma

Não há uma poção mágica para a cura do melasma, mas isso não significa que a mancha não possa ser controlada. Existem ótimos tratamentos que podem ajudar bastante. “Entre os medicamentos, tenho indicado bastante o ácido tranexâmico, em função dos bons resultados em meus pacientes. Ele é aplicado através de uma agulha fina na mancha, na camada intermediária da pele”, recomenda. O especialista explica que a ação é de bloqueio aos estímulos que fazem com que o melanócito produza mais pigmento. Assim, a pele é protegida e novas manchas são impedidas de aparecer ou, ainda, a já existentes escurecem. Quando associado ao tratamento oral e tópico, os efeitos são ainda melhores.

Tratamentos com laser podem ser indicados para casos específicos, mas não é qualquer laser que pode ser utilizado por quem tem melasma. “Os fracionados e a luz pulsada não são indicados, por agredirem o melanócito e assim piorar a mancha”, informa o dermatologista Bruno Vargas, responsável pelo Portal. Ele acrescenta que em casos muito específicos, o laser Nd YAG 1064 Q-Swiched também é um opção.

Existem ainda outras opções de tratamentos que, combinados, podem oferecer resultados bastante positivos. Contudo, é fundamental a avaliação de um dermatologista. Somente ele poderá indicar a melhor opção para você.  Também é importante estar atento a todos os cuidados básicos, como o uso constante do filtro solar, além de chapéus ou bonés durante a exposição à luz solar.

Compartilhe:
Comentários: