31, mar, 2015

Torne o melasma menos visível

Uma série de cuidados que ajudam a evitar a piora das manchas

A causa exata do melasma é, ainda, desconhecida, apesar de ser sabido o que influencia para seu aparecimento: exposição aos raios UVA, UVB e da luz visível, hormônios e fatores genéticos. “O melasma, normalmente, aparece nas bochechas, testa e queixo, mas também pode aparecer nos braços, colo e pescoço. Apesar de inofensivo, muitas pessoas não gostam de ter as manchas e procuram tratamentos para torná-las menos evidentes”, pontua Bruno Vargas, dermatologista responsável pelo Portal.

Se você têm melasma, siga as dicas de Vargas abaixo para tornar as manchas menos visíveis.

– Evite depilar as áreas com melasma: a depilação pode causar inflamações na pele que pioram as manchas, então, é importante evitar fazê-la nas áreas afetadas pela condição. “Existem outras alternativas de depilação, é melhor verificar com o dermatologista a melhor opção em cada caso”, ressalta Vargas.

– Escolha cuidadosamente os produtos a serem usados em sua pele. Cuidados com cosméticos são fundamentais para evitar problemas como queimaduras ou ressecamento, por exemplo. Além disso, determinadas loções podem ocasionar irritações que agravam o melasma.

– Use protetor solar diariamente: os efeitos do sol pioram o melasma, assim, mesmo em dias nublados, é importante se proteger. Dê preferência a bloqueadores físicos e siga as recomendações que já demos aqui.

“Algumas vezes o melasma simplesmente desaparece, particularmente, quando foi desenvolvido na gravidez ou durante período em que a paciente ingeria pílulas anticoncepcionais. Entretanto, na maioria dos casos é necessário tratamento para reduzir as manchas”, pondera Vargas.

Compartilhe:
Comentários: